DOSSIÊ HTGAWM: SHONDA RHIMES, PARTE 2

Por possuir vasta história de vida, recheada de glórias e conquistas o dossiê teve de ser divido.  A vida dessa incrível mulher não se resume nem de longe a esse dossiê, mas para fins de aprofundamento e maior conhecimento da investigada, o presente documento se mostra satisfatório. Segue abaixo a a segunda e última parte da investigação:

IV – THANK GOD, IT’S THURSDAY!

Shonda e suas girls
Reunindo as amigas, para tramar as próximas sambadas!

Shonda chegou onde nenhuma outra mulher conseguiu chegar na TV americana. Agora ela está dominando o horário nobre das quintas-feiras na ABC, com a exibição de suas três séries em sequência: Grey’s Anatomy, Scandal e How to Get Away With Murder. A Shondaland Thursday sempre registra grandes índices de audiência, comprovando ainda mais o poder da showrunner. Em comum, as séries dividem personagens marcantes — duas delas negras — exploram relações interraciais e personagens homossexuais, sempre com o cuidado de deixar tudo sem estereótipos. Segue abaixo um pequeno resumo das séries.

IV.I – Grey’s Anatomy

Drama médico exibido no horário nobre da rede ABC. Protagonizado por Ellen Pompeo, como Dra. Meredith Grey, residente do hospital cirúrgico Seattle Grace, em Seattle, Washington, o mais rígido programa cirúrgico de Harvard. A série é focada nela e seus colegas, também internos: Cristina, Izzie, George e Alex, mostrando suas vidas amorosas e as dificuldades pelas quais passam no trabalho.

O título da série é uma brincadeira com Gray’s Anatomy (Anatomia de Gray), o famoso livro de anatomia de Henry Gray. A série, exibida nos Estados Unidos após o hit Desperate Housewives, logo se tornou um sucesso.

Ganhou vários prêmios, dentre eles um Emmy, dois Globos de Ouro, dois SAG Awards, entre outros.

GA-greys-anatomy-1230205_1280_700

V.II – Scandal

A série se passa em Washington D.C. e é estrelada por Kerry Washington, que interpreta Olivia Pope, que dedica sua vida a proteger e defender as imagens públicas da elite americana, resolvendo problemas antes que o mundo saiba que eles já existiram. Depois de deixar a Casa Branca, ela abre sua própria empresa, na esperança de iniciar um novo capítulo – tanto profissionalmente como pessoalmente – mas ela parece não conseguir cortar completamente os laços com seu passado. A personagem é inspirada na ex-assessora de imprensa do governo de George W. Bush, Judy Smith.

COLUMBUS SHORT, JOSHUA MALINA, KATIE LOWES, GUILLERMO DIAZ, DARBY STANCHFIELD, KERRY WASHINGTON, JEFF PERRY, BELLAMY YOUNG, TONY GOLDWYN

IV.III – How to Get Away With Murder

Não será preciso explicar, tendo em vista que os eventuais leitores deste documento já conhecem em detalhes sobre o que trata a referida série. Magnífica, resumindo em uma palavra.

get-away-murder

V – DA VIDA PESSOAL RECENTE

Shonda tem um grande aliado na hora de escrever para suas séries: o fone de ouvido. Segundo ela, possibilitou que escrevesse em qualquer lugar, sendo que sem eles, só seria capaz de escrever na mesinha da sala dos roteiristas.

Em junho de 2002 ela adotou a sua primeira menininha, a qual deu o nome de Harper. Em fevereiro de 2012, veio a garotinha Emerson e pouco mais de um ano depois, nasceu Beckett, em setembro de 2013, através de uma barriga de aluguel.

Shonda e sua filha, a também poderosa Harper
Shonda e sua filha, a linda Harper Rhimes

A sua produtora, “Shondaland” emprega mais de 550 pessoas e um fato curioso é que, do lado oposto do seu escritório, Shonda mandou construir quartos para as três filhas. É comum ver as filhas no colo da mãe ou brincando pela sala durante as reuniões profissionais. No entanto, não se conhece nenhum relacionamento sério e a investigada raramente fala da sua vida pessoal.

Sobre seu trabalho, Shonda declara:

“Faço séries que me interessam, sobre coisas que me interessam, relações humanas – umas mais próximas ao mundo em que vivemos, e outras nem tanto, mais melodramáticas, como Scandal

Um dos grandes sonhos da investigada é que chegue o dia em que o trabalho que ela faz não seja a exceção, mas sim a regra. Porque, como insiste, ninguém descreve Vince Gilligan, responsável por Breaking Bad, como “o melhor homem branco” criador de séries.

Um acontecimento recente que saiu em vários sites mostrou a brilhante resposta de Shonda a um tweet preconceituoso, dizendo que haviam muitas cenas gays em Scandal e How To Get Away With Murder e que elas não acrescentavam em nada à história. A produtora então retrucou, lindamente:

“Não existem cenas gays. Existem cenas com pessoas nelas.

Se você acabou de descobrir que as séries da Shondaland têm cenas envolvendo pessoas gays, você está atrasada para a festa.

Aliás, se você usa a expressão ‘cenas gays’, não está apenas atrasada para a festa, mas também não está convidada para a festa. Tchau, Felicia”

Shonda-Rhimes-Tweets
Uma parte do tweet “destruidor de moral” de Shonda

VI – DO PEDIDO

Ante o exposto, requer-se a publicação por inteiro do dossiê (não, ele não é secreto), com o intuito de mostrar aos fãs de HTGAWM a mente genial e a carreira de conquistas da aclamada Shonda Lynn Rhimes, produtora-executiva da série mais amada pelos leitores do presente site.

 

Shondalândia, ___ de março de 2015.

Espero vocês no próximo dossiê… O investigado? Segredo de Justiça, por enquanto.

About the author

Paulistano, 20 anos, apaixonado por televisão, em especial por séries. Apenas mais um estudante de Direito louco pra ter aulas com Annalise!